2 de novembro de 2015

Crítica: Daily Lives of High School Boys

Daily Lives of High School Boys Crítica
Título Original: Danshi Kokosei no Nichijo
Gênero(s): Comédia
Demografia: Shonen
Estúdio: Sunrise
Ano(s): 2012
No. de Episódios: 12

**** (Recomendado)

Daily Lives of High School Boys é um dos animes mais engraçados dos últimos tempos, não é surpresa tendo em vista que foi dirigido por Shinji Takamatsu que também foi foi responsável por Gintama.

Mas diferente de Gintama os episódios não seguem um história linear e sim são divididos em sketches de poucos minutos, o numero de sketches por episódio varia de 5 a 10. A história gira em torno de 3 amigos Tadakuni, Hidenori Tabata e Yoshitake Tanaka, e suas interações com os outro alunos do colégio para garotos Sanada North e de colégios adjacentes. Os sketches giram em torno dos problemas e aventuras deles enquanto colegiais e adolescentes, no começo as historias são focadas nos três, mas depois ela se expande para outros alunos, criando uma série de possibilidades para se ter humor.

Nos primeiros episódios Tadakuni é claramente o protagonista, mas a partir de um certo ponto Hidenori Tabata toma conta da série, muito em função do seu dublador, o excelente Tomokazu Sugita, que também faz o Gintoki em Gintama e o Kyon em Haruhi Suzumiya, os sketches dele com a "garota literária", são o ponto alto da série, uma cena mais engraçada que a outra.

Daily Lives of High School Boys Crítica

A animação é um pouco melhor que a de Gintama, mas ainda não é grande coisa. Muitas vezes você confundi os personagens, tamanha é a semelhança entre seus desenhos. O ponto forte realmente é o humor e o ótimo trabalho dos dubladores. A direção de Shinji Takamatsu também é outro ponto a se notar, ele provavelmente é o melhor diretor de comédia do mundo dos animes.

Se você quer um anime  simplesmente para dar umas boas risadas, Daily Lives of High School Boys é o anime pra você.